Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

Renildo José dos Santos, vereador gay assassinado em 1993: criminosos ainda livres

Imagem
Em 10 de março de 1993 Renildo José dos Santos, de 29 anos, homossexual assumido, vereador do município de Coqueiro Seco, Alagoas, estado do nordeste brasileiro,  foi barbaramente assassinado, após sucessivas ameaças.
"Após ser violentamente espancado, teve suas orelhas, nariz e língua decepados, as unhas arrancadas e depois cortados os dedos. Suas pernas foram quebradas. Ele foi castrado e teve o anus empalado. Levou tiros nos dois olhos e ouvidos, e para dificultar o reconhecimento do cadáver, atearam fogo em seu corpo e degolaram-lhe. O corpo foi encontrado no dia 16 de março. A cabeça, separada, foi encontrada boiando num rio. "
 O caso foi denunciado à Anistia Internacional. Em janeiro de 1994 ele constou em seu relatório sobre "violações dos direitos humanos dos homossexuais".
O julgamento foi adiado onze vezes, ocorrendo somente em 2006, treze anos após o crime. Três dos acusados foram condenados. O primeiro julgamento ocorreu nos dias 30 e 31…

Renildo José dos Santos: 19 anos de impunidade - Homofobia ou silenciamento?

Imagem
Quem não se lembra do caso do vereador de coqueiro Seco, no interior de Alagoas, assassinado em 1993 com bárbara crueldade, após muitas ameaças e sem que ninguem lhe concedesse proteção?

O crime ocorreu em 10 de março de 1993. Renildo José dos Santos tinha 29 anos.  Renildo foi arrancado de sua casa e seqüestrado por quatro policiais e inimigos políticos. [...] Após ser violentamente espancado, teve suas orelhas, nariz e língua decepados, as unhas arrancadas e depois cortados os dedos. Suas pernas foram quebradas. Ele foi castrado e teve o anus empalado. Levou tiros nos dois olhos e ouvidos, e para dificultar o reconhecimento do cadáver, atearam fogo em seu corpo e degolaram-lhe. O corpo foi encontrado no dia 16 de março. A cabeça, separada, foi encontrada boiando num rio.  (Íntegra aqui)
 Eis um brevíssimo resumo da situação do processo criminal:
Sentença em 2006, treze anos após o crime: Luiz Marcelo Falcão e Paulo Jorge de Lima, foram condenados à pena de 18 (dezoito) anos …

O Movimento Homossexual Brasileiro é muito anterior à segunda metade dos anos 90

Imagem
Remonta ao ano de 1956 os registros disponíveis sobre iniciativas de mobilização de parcelas desse segmento da sociedade brasileira pelo direito de viver em paz. Pelo direito à não-discriminação. Pelo direito à vida digna, em última palavra.

É de Minas Gerais que os jornais noticiam, entre 1956 e 1966, movimentações de “degenerados”, “introvertidos” e "mocinhas masculinizadas" de Belo Horizonte, em sua maioria frequentadores da praça existente no interior do Parque Municipal, para organizar uma associação.

Em 1966 tais notícias se fazem acompanhar do nome daquilo que os jornais chamam de clube - Libertados do Amor.

Segundo informa o Diário de Minas, o objetivo da agremiação seria encaminhar ao governador um “memorial, implorando um pouco de complacência dos homens do governo aos problemas da "classe”, à semelhança da associação de homossexuais sediada em Amsterdã, Holanda, que solicitou à ONU “um exame, sem preconceitos", da questão homossexual, no sen…